fbpx
Nenhum Comentário

Iguaçu, um ótimo bairro para se morar!

Seguindo com a nossa proposta de levar até você mais sobre a história dos bairros de Ipatinga, trouxemos hoje aquele que é considerado o bairro que “corta” a cidade por estar localizado próximo a diversos bairros e da rodovia BR 381 e ser rota de escoamento do fluxo frenético de veículos em horários de pico: o Iguaçu.

Contaremos aqui a história e algumas curiosidades deste delicioso bairro e diremos a você o porquê morar aqui pode ser sensacional por proporcionar qualidade de vida, mobilidade e segurança.

Conhecendo a origem

O Iguaçu foi o primeiro loteamento de Ipatinga fora do projeto “Vila Operária”.
Diferente de outros bairros aqui já detalhados, que foram construídos de acordo com o “Projeto Vila Operária”, do arquiteto Rafael Hardy, o bairro Iguaçu começou a ser construído nas terras que pertenciam a “Fazenda Prato Raso”, do pioneiro Jair Gonçalves. Segundo José Augusto de Morais em seu livro Ipatinga Cidade Jardim, volume II, de 2009, para atender à demanda exigida pelo progresso da cidade, o pioneiro preparou toda a infraestrutura inicial dos lotes, que foram colocados à venda. Jair Gonçalves também doou parte das terras para a comunidade de Ipatinga, destinadas à construção de escolas, asilos, igrejas e campo de futebol. Das terras da “Fazenda Prato Raso” surgiram então os bairros Iguaçu – o primeiro loteamento – e Cidade Nobre, que possuem as partes mais valorizadas do território de Ipatinga. As ruas do bairro receberam nomes de pedras preciosas e de tribos indígenas, de acordo com o Decreto Municipal Nº 528, de 22 de março de 1974.

Comércio

Com algumas avenidas, como a Brasil, principal do bairro, e praças com o entorno ladeado de lojas, agências de automóveis, restaurantes, lojas de informática, de venda e conserto de celulares entre outras, o bairro Iguaçu se destaca pelo seu intenso comércio.

Uma característica no comércio local é o direcionamento para o segmento de noivas e casamentos, sendo o bairro muito procurado pelas nubentes à procura de vestidos para o seu grande dia, além da vestimenta de seu noivo e madrinhas. Agências de fotos especializadas neste segmento também podem ser encontradas por lá. Salões de beleza também são muitos e atendem todo tipo de público.

Além do comércio, o bairro agrega também uma grande variedade de escritórios de grandes empresas e indústrias da região. Pelo fato do bairro ser bem localizado e de escoamento fácil de transito é a preferido pelos empresários para se estabelecerem.

Mobilidade urbana

Na principal avenida do bairro passam diversas linhas de transporte público, além de uma grande variedade de moto-táxis.
Morar no Iguaçu e não ter transporte próprio não é problema. Por lá passam quase todas as linhas de ônibus da cidade, facilitando a vida dos pedestres e proporcionando um deslocamento mais ágil. Outro tipo de transporte muito utilizado pelos ipatinguenses é o moto-táxi, que no bairro Iguaçu tem uma concentração ótima deste tipo de serviço. São mais rápidos e bem acessíveis.

Qualidade de vida

O bairro Iguaçu tem como ponto inicial e final o encontro do Córrego Bom Jardim com o Ribeirão Ipanema. Ao lado do Ribeirão foi construída uma pista de caminhada que leva até o Parque Ipanema, vizinho do bairro.

Muitas praças compõem a urbanização do Iguaçu e nelas há sempre muito verde e bancos e mesas onde os moradores desfrutam de preciosos momentos de descanso e lazer. Para os esportistas há no bairro um campo de futebol e algumas academias.

E para aqueles que a qualidade de vida já não está tão boa, o bairro oferece uma opção enorme de farmácias e drogarias, além de clínicas médicas e de exames.

No detalhe o casal Altina e Jair Gonçalves. Foto da turma do EJA na Escola Altina Olívia Gonçalves, no bairro Iguaçu. Foto: acervo euamoipatinga.com.br

Educação

 Para quem tem filhos o bairro Iguaçu é perfeito pela proximidade de escolas e faculdades. No bairro há creches, escolas de ensino básico, fundamental, médio e superior. O bairro conta com duas escolas municipais e uma estadual, além de uma escola de ensino técnico e uma faculdade. Uma curiosidade interessante sobre uma das escolas é a homenagem à esposa do benfeitor que doou as terras para construção do bairro. O nome dela foi dado à instituição em reconhecimento pelos vinte anos de trabalho voluntário dedicados à população do Iguaçu.

Curiosidade

Em uma cidade em que sua maior receita é oriunda da indústria metalúrgica, os equipamentos públicos têm que ser adaptados para atender à demanda do transporte de grandes peças.

Por isso, na Avenida Pedro Linhares, na altura do bairro Iguaçu, a passarela de passagem de pedestres que atravessa a rodovia foi construída deixando o vão central removível. O vão central é removido toda vez que a carga ultrapassa o limite máximo de 4,40 m de altura.

 Aqui você é #maisquebemvindo

 

Comments (0)